Sobre ataliba

Analista de Sistemas com especialistas em Unix/Linux e Redes de Computadores aprendeu a gostar de segurança da informação durante sua atuação profissional e após uma Pós, se apaixonou por inteligência e ContraInteligência.

  • José Carlos Barbieni

    Muito boa a explicação e até mesmo o alerta para sensacionalismos, massss…
    A linha que separa uma brincadeira de uma mentira, de uma enganação é frágil e os resultados podem ser os piores possíveis, pois, não serão poucas as pessoas que, embora saibam da falsidade da notícia, pensem em tirar alguma lição disso.
    Quantos não pensarão duas vezes antes de fazer respiração boca a boca com alguém que pode recobrar a consciência e sair acusando de assédio?
    Quantos por verem tantas denúncias de assédio e agressão já não partem para um pré-julgamento de uma situação qualquer, como por exemplo uma situação onde uma mulher sofra convulsão e um homem tente segurá-la… Pode acontecer de alguém pensar que ali esteja ocorrendo uma agressão, e quando a mulher acordar, algo de muito ruim pode ter acontecido com aquele que no final das contas queria ajudar.
    O desserviço prestado por esse vídeo da garota foi muito grande.

  • Marcio Felipe Couto Cursino

    Esse tipo de brincadeira de mau gosto é que deveria ser evitada em dias como os de hj.
    Muita gente ignorante postando coisas sem saber se é verdade.

  • Leone

    malditas feministas