Policial é estuprada e esfaqueada por menores infratores #SQN

Bom, uma das coisas que mais temos hoje em dia realmente é sites que tem como única razão de existência ficar espalhando lendas pela internet.

Alguns, infelizmente, pecam porque simplesmente tem como foco gera visitas e isto, como sabemos, pode ser um grande problema.

Hoje pela manhã antes de sair para o trabalho dei de cara com uma notícia em minha timeline que a primeira vista, gera grande revolta por ser uma moça bem bonita, trabalhadora e que, teve sua vida ceifada por menores infratores, que, são, hoje, um dos grandes problemas de nossa sociedade como todos sabemos.

Sargento Alana

Mas nem tudo são rosas e quando fui correr atrás da veracidade da notícia … descobri que a coisa não é bem como foi montada pelo site.

Primeiro sintoma de não ser real … a foto

Sargento Alana

Sim, a foto da matéria em questão é de uma modelo. Aliás, uma modelo que nem brasileira é ( pelo que entendi é uma moça italiana ).

Ela se chama Giusy Rannuci e, pelo menos de acordo com as notícias que encontrei por aí, ela morreu em 2014 de modo bem suspeito no seu próprio apartamento. Não cacei mais que isto pelas internets porque no fim, não vem ao caso pois só a descoberta de que a foto não é real já mata em muito a credibilidade do restante da notícia.

Como muitas pessoas notaram que a imagem era furada, ainda hoje, o site mudou a imagem da notícia para outra, que também é fake.

sargento-alana-noticia-fake

Esta outra imagem nada mais é que uma foto do velório da atriz Yoná Magalhães .

Velorio Sargento Alana

A falta de ocorrências de um crime deste tipo em outros portais além do que publicou a notícia

Eu sou cético, todos sabem. E a notícia já me deixou cismado desde o início, pois só na busca de imagens ela falhou em todos os requisitos.

E portanto, fui a caça do nome “Alana Benatti Heins” . No Google só ocorre o portal que publicou a notícia e mais uma série de pessoas que simplesmente replicou a mesma sem fazer nada.

Como é algo muito chocante é quase garantia que pelo menos algum grande portal do Rio de Janeiro ou até nacional, tendo em vista que a notícia coloca em discussão tanto a violência ( que principalmente no Rio de Janeiro vem tomando os noticiários a um bom tempo ) e também, a maioridade penal ( já que foram menores que violentaram a suposta policial ).

Além do que, caso fosse real, a notícia seria um prato cheio para políticos conservadores que iriam usar esta morte como bandeira para diversas coisas

Tendo em vista isto tudo até o momento a notícia com toda certeza é falsa.

Conclusão

Não leve a sério portais de fundo de quintal que no fim querem criar uma legião de pessoas que apoiam aquilo que eles querem que seja apoiado.

No fim, redução da maioridade penal e também, apoio aos Bolsonaro.

Retire este tipo de portal da sua lista, caso tenha levado isto a sério. Não são fonte confiável de notícia mesmo.

Que temos viol

ataliba

Analista de Sistemas com especialistas em Unix/Linux e Redes de Computadores aprendeu a gostar de segurança da informação durante sua atuação profissional e após uma Pós, se apaixonou por inteligência e ContraInteligência.

Você pode gostar...